Início > Uncategorized > Vai um whisky com coca-cola?

Vai um whisky com coca-cola?

Enviado do meu iPhone

Início da mensagem encaminhada

De: Empiricus – Mercado em 5 <mercadoem5>
Data: 12 de dezembro de 2014 13:12:28 BRST
Para: "jonasjr" <jonasjr>
Assunto: Vai um whisky com coca-cola?
Responder A: <mercadoem5>

Ler no navegador | Preferências de Recebimento
Facebook icon Curtir Twitter icon Tweet Forward icon Encaminhar
m5mbanner.084114.jpg
Vai um whisky com coca-cola?

:. Ela decidiu falar

:. E o que falará Graça Foster?

:. Gestão de riscos

:. Capex virou opex

:. Whisky com coca-cola

:. Raspas e restos ainda me interessam

:. O pepinão de ABRE3 (exclusivo para o PRO)

:. Estamos na frente dos gringos (exclusivo para o PRO)

:. Se eu estiver louco, me avise (exclusivo para o PRO)

00:11- Ela decidiu falar

Considero a capa do Valor de hoje icônica: Gerente da Petrobras diz ter alertado Graça sobre abusos.

Trata-se, sem exageros, de uma das reportagens mais relevantes já publicadas pela imprensa brasileira. Leitura obrigatória.

A gerente executiva da estatal, Venina Velosa da Fonseca, abriu a boca para contar centenas de minúcias internas de corrupção, com menções a Graça Foster e Lula.

Quando estava ainda na Petro, botaram uma arma na cabeça dela, pra ficar calada.

Que bom que Venina, tomada de rara coragem, decidiu falar.

Pergunte a qualquer delegado da PF: só se descobre alguma coisa em investigação quando as pessoas falam. Sherlock Holmes é legal demais como entretenimento, mas não funciona na vida real.

00:45- E o que falará Graça Foster?

A julgar pelo grau de ciência atribuído a Graça Foster nos relatos de Venina, simplesmente não há mais como sustentar o cargo de presidente da Petro (segundo meus humildes critérios de ética).

Não estou aqui dizendo que Graça é corrupta, nem preciso dizer. Para preencher essa lacuna descritiva, inventou-se o status de cúmplice.

Os cúmplices de Petrobras são muitos, e as vítimas também.

Pense – por exemplo – em todas as empresas brasileiras que precisavam tomar recursos lá fora e agora encontram as janelas de captação hermeticamente fechadas…

No Brasil, não existe risco intrínseco. Todo risco é sistêmico. A emissão da Petrobras é securitização de recebíveis da Eletrobras, com garantia do Tesouro – e todas elas são caixa único do Governo.

01:23- Gestão de riscos

A ilha de sobriedade do Novo (?) Governo Dilma tenta ser sistêmica também. Veremos se ela é capaz de virar continente.

Levy mandou pra Dilma um pacotão fiscal para tentar salvar o investment grade em 2015, propondo um ajuste em torno de R$ 50 bilhões (alguns jornais falam em até R$ 100 bilhões, mas vamos ficar com a oncinha por enquanto).

Desses R$ 50 bi, quanto será corte de despesas vis-à-vis aumento de impostos? Ninguém sabe ainda, mas algo me diz que é mais fácil (para o governo) pelas vias da arrecadação. Taca-lhe pau.

Por enquanto, o factível seria voltar com a Cide, PIS/Cofins sobre importados e IPI de veículos. Mas ainda está faltando algo não-factível para fechar essa conta…

E eu estou rezando pelos meus dividendos.

02:11- Capex virou opex

Enquanto o governo federal pode ter dificuldades para ajustar o orçamento, a coisa funciona com um pouco mais de eficiência dentre as empresas privadas.

Veja, por exemplo, os casos de BVMF e Ultrapar: ainda projetando investimentos robustos para 2015, mas menores do que teriam sido num ambiente macro sadio.

Você sabe que é o Fim do Brasil quando o mercado comemora reduções de capex, tratando capex (investimentos) exatamente como opex (despesas operacionais).

03:31- Whisky com coca-cola

Neste fim de ano, há centenas de executivos em volta de mesas de reunião, tomando coca-cola (antigamente eles tomavam whisky, alguns ainda tomam whisky com coca-cola) e decidindo como enxugar gastos para o próximo ano.

À primeira vista, esse choque de gestão parece até inspirador: "vai salvar o bottom line!". Mas não parece ser o caso.

As margens de lucro corporativas no Brasil estão em níveis historicamente sofríveis. Não dá mais para fazer milagre.

Pagar 12x lucros pela Bolsa brasileira para levar alguma das menores margens de lucro do Planeta Terra não é exatamente um ato de value investing.

Em compensação, como isso aqui é Brasil, encontramos no mesmo Ibovespa algumas das MAIORES margens de lucro do Planeta Terra, mesmo com macro adversa. Essas estão contempladas em nossa série de Aposentadoria Milionária.

04:10- Raspas e restos ainda me interessam

Você acompanha a tabela do Brasileirão rotineiramente? Lá no Z4 do Ibovespa desta semana, poderíamos questionar:

Será que Petrobras está perfurando o VGV deep water que parecia ser de classe média? Ou será que as incorporadoras é que se meteram a faturar com PoC no Pré-Sal?

Neste momento, o Ibovespa não pode se apoiar em commodities, nem em incorporadoras. Também não pode se apoiar em estatais, tampouco no consumo & varejo. Com janela de captação fechada e promessas de BNDES menor, frigoríficos estão fora de cogitação.

Quem sobrou? Quem é o G4 do Ibov?

A tomada de decisão de investimentos em Bolsa deve começar – necessariamente – por um processo de eliminação das alternativas erradas.

bannerpro.png
O pepinão de ABRE3 (exclusivo para o PRO)
m5m-desfocada01_8.jpg
Estamos na frente dos gringos (exclusivo para o PRO)
m5m-desfocada02_9.jpg
Se eu estiver louco, me avise (exclusivo para o PRO)
m5m-desfocada03_10.jpg
assinatura-beto.jpg
Quer ter acesso à versão completa?
Custa só R$ 9,90 por mês. Basta clicar abaixo:
bannerm5mpro.png
Política de Privacidade | Disclosure | FAQ
Esta mensagem foi enviada para jonasjr como parte da assinatura gratuita do conteúdo Empiricus. Se não deseja mais receber nenhuma de nossas newsletters, clique aqui.

Para escolher qual(is) de nossas newsletters deseja receber, clique aqui.

Empiricus Research
Rua Iguatemi, 354 cj 101
01451-010
Itaim Bibi – São Paulo/SP

Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: